Escrevo porque não digo...
O que sinto, calo.

terça-feira, 29 de junho de 2010



Sim, agradeço a Deus por ver um mundo lindo, vivo.
Sim, agradeço a Deus por tantas cores
E pelas dores, que me fazem crescer
e ver que "isso aqui" não é nada,
Que "isso aqui" se acaba, passa...
Que é cinza ao vento,
E que o tempo, nada mais é, que o bilhete para a eternidade.

2 comentários:

Paty Michele disse...

Agradeço junto com vc.
Agradeço e peço, agradeço e peço, e peço, e peço...

Jeze Nicory disse...

E o melhor virá sempre, Paty... sempre, sempre.